Um estudo recente da Viacom descobriu que crianças em idade pré-escolar têm uma voz ativa e uma influência nas compras dos lares na Austrália. Baseado nos resultados de um estudo com crianças australianas com idades entre 1 e 5 anos, as crianças pequenas têm a maior influência nas compras que lhes proporcionam experiências.

Os pais australianos costumam passar “muito tempo” ou “bastante tempo” discutindo certos tipos de compras com seus filhos. Algumas dessas compras incluem livros, brinquedos de construção e quebra-cabeças, veículos de brinquedo e brinquedos com figuras pequenas. Mais da metade de todas as crianças de 5 anos ou menos (57%) gastam um tempo significativo discutindo compras de livros com suas famílias e 47% foram consultadas sobre suas opiniões antes da compra.

Por outro lado, as crianças têm menos participação em outras decisões de compras. Em média, apenas 33% das crianças foram consultadas sobre as compras da sua alimentação, bebidas a base de frutas, refrigerantes e lanches ou doces. As crianças estão menos envolvidas em decisões sobre mochilas, roupas e acessórios para o cabelo. Por exemplo, apenas 28% das crianças influenciam nas decisões de compras de mochilas, e apenas 30% influenciam nas compras de assessórios para o cabelo.

Curiosamente, para todos os tipos de compras, os espectadores da Nickelodeon e da Nick Jr. na Austrália têm um engajamento consideravelmente maior do que os não espectadores destes canais. Em média, os espectadores da Nickelodeon e da Nick Jr. são 1.9 vezes mais propensos do que os não espectadores a passar um tempo discutindo sobre as compras, e 1.8 vezes mais propensos a ser consultados sobre suas opiniões.